1850 - Lei Eusébio Queiroz. O tráfico negreiro. Histórico da Lei 581, de 4 de setembro de 1850

EUZÉBIO DE QUEIROZ

Apresenta o  histórico da feitura da Lei 581, de 4 de setembro de 1850, que proibiu o tráfico de escravos, a propósito da divulgação de correspondência entre o governo inglês e seu representante no Brasil, James Hudson, na qual esta autoridade estrangeira atribuía a si a feitura da lei antitráfico e manchava a reputação do  Partido Conservador, que carregava os louros pela iniciativa da lei e de  Paulino de Souza, Ministro de Negócios Estrangeiros, à época.

Sessão de 16.07.1852  /  Anais da Constituinte, 16.07.1852, p. 244-256.

Ações do documento