Projeto aprovado na CFT promove o desenvolvimento de redes elétricas inteligentes

O PL dispõe sobre o Plano de Redes Elétricas Inteligentes que, por meio da substituição dos medidores de consumo de energia, possibilita redução do custo da energia elétrica e gerenciamento do consumo pelos consumidores
15/06/2018 14h50

Projeto aprovado na CFT promove o desenvolvimento de redes elétricas inteligentes

Deputada Yeda Crusius

A Comissão de Finanças e Tributação aprovou, na última quarta-feira (13), o Projeto de Lei 2.932/15, de autoria do Deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB/MG), que dispõe sobre o Plano de Redes Elétricas Inteligentes (PNREI).

O PL estabelece a mudança dos medidores de consumo de energia eletromecânicos para medidores eletrônicos inteligentes que proporcionam a redução do custo de energia, das perdas elétricas e do tempo de restabelecimento da energia.

A tecnologia das redes elétricas inteligentes utiliza dispositivo que favorece a sustentabilidade na produção da energia elétrica, o que possibilita mais participação de fontes renováveis como energia solar e eólica.

            O voto da relatora, Deputada Yeda Crusius (PSDB/RS), foi pela não implicação financeira ou orçamentária da matéria em aumento ou diminuição da receita e da despesa pública. A relatora compreende que a tecnologia da implantação das redes elétricas inteligentes agrega expressivos benefícios ao sistema elétrico, como o aumento da confiabilidade no fornecimento de energia, diminuição dos custos de operação, além do desenvolvimento de indicadores de qualidade.

Gabriela Fialho

Ações do documento