Os problemas enfrentados pelo Museu Nacional e perspectivas para o futuro (30/10/2018)

01/11/2018 14h45

A Comissão de Educação realizou, nesta terça-feira (30), Audiência Pública em atendimento ao REQ n°441/2018, de autoria do Dep. Celso Pansera (PT/RJ), para discutir os problemas enfrentados pelo Museu Nacional, destruído após incêndio em setembro deste ano, quando teve grande parte do acervo perdido. O evento aconteceu às 14h, no Plenário 10, do Anexo II da Câmara dos Deputados.

Participaram do evento os senhores Alexander Kellner, Diretor do Museu Nacional; Cláudia Pedrozo, Ministra Interina do Ministério da Cultura (MinC); Isaac Roitman, representante da Academia Brasileira de Ciência – ABC; Roberto Leher, Reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro; e Luiz Fernando Duarte, Professor do Programa de Pós-Graduação em Antropologia do Museu Nacional.

Vários parlamentares da bancada do Rio de Janeiro participaram da Audiência, dentre eles os Deputados Chico Alencar, Alessandro Molon e Celso Jacob, enriquecendo os debates. Segundo publicação do portal Agência Brasil, a bancada concordou em indicar uma emenda coletiva, destinando R$ 55 milhões para a recuperação do Museu Nacional. Para que o recurso seja repassado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que administra a instituição, os recursos ainda precisam ser aprovados na Comissão Mista de Orçamento e no Plenário do Congresso Nacional. (Veja a matéria completa no link ao final da matéria).

A Deputada Raquel Muniz, Presidente da Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados, deu seu depoimento, ressaltando a importância do Museu e informando que a Comissão havia aprovado emenda para apoiar sua reconstrução.

Na sua exposição, o Diretor Alexander Kellner afirmou que os recursos que a instituição recebe estão abaixo do necessário para o funcionamento ideal do museu. Segundo ele, o museu obtém pouco mais de R$ 6 milhões por ano. No entanto, para atender as demandas adequadamente, seria preciso pelo menos R$ 13 milhões. Por exemplo, só para a manutenção de brigadistas para o combate a incêndios, argumentou o diretor, o museu precisaria gastar R$ 1,1 milhão, mais do que o dobro do que a instituição tem disponível.

*Com informações dos portais:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2018-10/bancada-do-rio-faz-emenda-coletiva-de-r-55-milhoes-ao-museu-nacional

http://www.abc.org.br/2018/10/30/em-audiencia-na-camara-diretor-do-museu-nacional-diz-que-instituicao-recebe-verba-abaixo-do-ideal-para-se-manter/

Assista ao vídeo da audiência e veja as apresentações nos links:

http://www.camara.leg.br/internet/ordemdodia/ordemDetalheReuniaoCom.asp?codReuniao=53847

http://www2.camara.leg.br/atividade-legislativa/comissoes/comissoes-permanentes/ce/audiencias-publicas-1/30-10-18-audiencia-publica-os-problemas-enfrentados-pelo-museu-nacional-e-perspectivas-para-o-futuro

Ações do documento