Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto

Navegação Global

Você está aqui: Página Inicial > Comunicação > Câmara Notícias > Indústria e Comércio > Projeto isenta de IOF repasse entre empresas do mesmo grupo
  • Compartilhar no Google+
16/09/2014 - 18h36

Projeto isenta de IOF repasse entre empresas do mesmo grupo

Gustavo Lima/Câmara dos Deputados
Carlos Bezerra
Carlos Bezerra fez a proposta com base em entendimento do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais.

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 7095/14, apresentado pelo deputado Carlos Bezerra (PMDB-MT), que isenta do Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguros (IOF) a transferência de recursos entre empresas de um mesmo grupo quando não há definição do valor da dívida nem cobrança de juros.

Segundo o deputado, a Secretaria da Receita Federal do Brasil cobra o tributo porque entende que são operações de crédito os repasses feitos entre contas correntes de empresas controladoras e controladas, mesmo se realizados sem definição do valor do principal (da dívida) e sem cobrança de juros.

No entanto, o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), do Ministério da Fazenda, manifestou opinião contrária à cobrança, uma vez que, em sua avaliação, essas operações não podem ser equiparadas automaticamente a crédito. “Esse projeto de lei objetiva vedar a cobrança do IOF sobre as referidas operações, em consonância com o entendimento já manifestado pelo Carf”, disse.

Tramitação
A proposta deve ser analisada de forma conclusiva pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:

Reportagem – Marcello Larcher
Edição – Marcos Rossi

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

josevan | 18/09/2014 - 10h00
Essa lei não pode passar, a lavagem de dinheiro vai aumentar com isso. Pode até não parecer, mas varias empresas participam de grupos empresariais só para burlarem as leis, e isso é mais uma manobra. No minimo quem esta sugerindo isso faz parte de algum grupo.
  • Câmara Notícias
    Expediente
    Disque-Câmara: 0800 619 619

Mapa do Portal