28/08/2013 10h00

Consultor defende concorrência para a exploração de minerais estratégicos e metais de terras raras

Preocupado com o novo Código de Mineração que tramita com urgência no Congresso, o Centro de Estudos e Debates Estratégicos promove mais um encontro para discutir a extração de minerais estratégicos e metais de terras raras.

O termo terras raras se refere a um grupo de 17 elementos químicos muito usados em matérias-primas para a fabricação de componentes eletrônicos de alta tecnologia. A ideia de um novo debate é esclarecer as dúvidas dos parlamentares sobre a exploração desses minerais de terras raras, que tem a China com a maior reserva mundial.


O Brasil também aparece como um grande detentor desses minérios, com reservas superiores a 3,5 bilhões de toneladas, como aponta a Agência de Serviços Geológico Norte-Americano. Só que todo esse potencial de grande valor econômico quase não é explorado no País. Quem fala sobre o tema é o consultor da área de minas e energia da Câmara, Paulo César Ribeiro Lima, que será o palestrante de debate hoje no Centro de Estudos e Debates Estratégicos.

Apresentação: Lincoln Macário e Rita Sardi



Comentários

eduardo | 09/09/2013 20h33
Não importa se a nossa siderurgia não aproveita o nióbio de forma industrial que ele deva ser explorado e contrabandeado a preço vil no mercado internacional, o Brasil poderia explorar e industrializar tanto o nióbio quanto as terras raras que em pouco tempo vão se tornar verdadeiros tesouros no mercado internacional e o Brasil não pode deixar o cavalo selado passar e não montar deixando assim de ter uma oportunidade de desenvolver um parque tecnológico de valor ainda incalculável...