Jackson é Pop

A Câmara sedia, de 8/10 a 1º/11, a exposição “Jackson é pop”, que retrata a carreira de Jackson do Pandeiro, cujos cem anos de nascimento são comemorados neste ano.
08/10/2019 00h00

A curadoria da mostra fica a cargo do Museu de Arte Popular da Paraíba e da Universidade Estadual da Paraíba. 

Cantor e compositor paraibano, Jackson do Pandeiro se tornou referência na música brasileira e ficou conhecido como o Rei do Ritmo. Nascido na cidade de Alagoa Grande, Jackson firmou seu nome como um dos maiores ritmistas da história da música popular brasileira. Ao lado de Luiz Gonzaga, foi um dos principais responsáveis pela nacionalização da música nordestina.

Organizada pelo Centro Cultural da Câmara dos Deputados, a vinda da exposição para Brasília foi solicitada pelo deputado Aguinaldo Ribeiro. A mostra estará instalada no Salão Negro do Congresso e a visitação é livre.

Confira aqui o catálogo da exposição histórica.

 

Jackson é Pop

Visitação: de 8 de outubro a 1º de novembro de 2019
Local: Salão Negro do Congresso Nacional
Entrada franca

Jackson é Pop
Fotos: Luis Macedo / Acervo Câmara dos Deputados

Foto: Luis Macedo / Acervo Câmara dos Deputados.

Foto: Luis Macedo / Acervo Câmara dos Deputados.

Foto: Luis Macedo / Acervo Câmara dos Deputados.

Ações do documento