Página Inicial Notícias Término do II Encontro Interparlamentar de Quadros das Áreas de Relações Internacionais dos Parlamentos da CPLP

Término do II Encontro Interparlamentar de Quadros das Áreas de Relações Internacionais dos Parlamentos da CPLP

Término do II Encontro Interparlamentar de Quadros das Áreas de Relações Internacionais dos Parlamentos da CPLP

Foto de família

Concluíram esta quinta-feira, 25 de Julho, os trabalhos do II Encontro Interparlamentar de Quadros das Áreas de Relações Internacionais, Relações Públicas e Protocolo dos Parlamentos dos Países de Língua Portuguesa.

A cooperação parlamentar, organização de eventos, precedências, diplomacia parlamentar, o parlamento e os cidadãos foram os temas abordados no decurso do evento.

O Encontro, a que esteve ausente a Guiné-Bissau, permitiu estreitar os laços institucionais e fortalecer o sentimento de partilha de experiências, informações e procedimentos internos de cada parlamento membro da CPLP.

«Evidenciou-se o alto nível das intervenções, bem como os esforços empreendidos pelos Parlamentos presentes no desenvolvimento destas áreas, conforme a abordagem exaustiva dos temas apresentados.

Sublinhou-se a necessidade da elaboração e aprovação de uma Lei de Precedências em cada um dos países membros que ainda não a tenham como instrumento fundamental de boas práticas neste domínio.», lê-se no texto final.

Sem descurar o princípio da separação de poderes, foi reconhecida a importância da diplomacia parlamentar, como forma dos parlamentos conquistarem o seu próprio espaço em matéria de intervenção externa.

A organização de eventos no Parlamento foi vista como um factor que poderá concorrer para o enriquecimento da actividade cultural, e, ao mesmo tempo, renovar as formas de aproximação dos cidadãos ao Parlamento, «dessacralizando o espaço e criando um sentimento de pertença.»

 

As conclusões saídas do II Encontro, cujos actos de abertura e de encerramento foram presididas pelo Secretário-geral da ANSTP, Romão Couto, vão ser remetidas aos Secretários-Gerais dos Parlamentos participantes para aprovação, promoção e concretização.

 

Espírito Santo