Novo documentário da TV Câmara estreia sábado (16)

"O veneno da Jararaca" estreia dia 16 de junho (sábado), às 21h, com reprises no domingo às 2h, 13h30, 20h e na quarta às 5h30.

A biodiversidade no Brasil é reconhecida mundialmente como uma das maiores de todo o planeta. Contudo, entre todas as espécies da fauna e da flora existentes nos biomas brasileiros, apenas 11% estão catalogadas. O documentário da TV Câmara O Veneno da Jararaca 4“O Veneno da Jararaca” busca provocar uma reflexão acerca dos processos que permitem o acesso ao patrimônio genético, que pode ser considerado a maior riqueza do País.

O documentário busca encadear opiniões e conhecimentos sobre os temas relacionados: legislação de acesso, acordos internacionais, entraves à pesquisa científica, bioprospeção industrial, registro de patentes, inovação tecnológica, biopirataria, conhecimento tradicional e repartição de benefícios.

O filme conta com depoimentos de cientistas, como Sergio Ferreira, da USP de Ribeirão Preto; Ana Marisa Chudzinski-Tavassi, do Instituto Butantan; Lauro Barata, da Unicamp; Rute Andrade, da SBPC; representantes dos órgãos reguladores, como Eliana Fontes, secretária-executiva do Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGEN), do Ministério do Meio Ambiente; e do deputado Márcio Macêdo (PT-SE), integrante da Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados.

Direção e Roteiro: Marcya Reis – Pesquisa: André Bergamo – Coordenação de Produção: Dulce Queiroz – Produção: Lia Tavares, – Pedro Henrique Sassi e – João Gollo – Imagens: Cláudio Adriano (São Paulo e Amazonas), – Edson Cordeiro – Leandro Ribeiro e – Angélio Damião – Edição e Finalização: Guem Takenouchi – Direção de Arte: Marcia Roth – Ilustração: Daniel Carvalho – Videografismo: Guilherme – Jânio, – Pedro Mafra –e Tiago Keise – Locução: Mônica Romina – Trilha Sonora Original: Estúdio Audiotech – Coordenação do Núcleo de Documentários: Dulcídio Siqueira

Ações do documento