17/05/2019 20h00

Revista da Câmara | 17/05/2019

Ministro da Educação é chamado para dar explicações sobre bloqueio de recursos

17 de maio, às 20h
Incorporar:
A visualização e/ou o uso deste material está condicionada pelos Termos de Uso do Câmara Notícias.

- Chamado a dar explicações sobre bloqueio de recursos, o ministro da Educação reafirma aos deputados que a prioridade do governo é o ensino fundamental e técnico, e não as universidades.

Em todo o país houve protestos de estudantes e profissionais da educação contra o contingenciamento de recursos. No Plenário, 7 medidas provisórias previstas para a semana, acabaram adiadas.

- Na comissão especial da reforma da Previdência avançou o debate sobre tempo de contribuição e idade mínima no Regime Geral e sobre a aposentadoria dos servidores públicos.

- Ministro Paulo Guedes diz na Comissão de Orçamento do Congresso que acredita na aprovação urgente de um crédito de 248 bilhões de reais para o governo e que sem isso, não vai haver dinheiro para pagar bolsa família, aposentadorias e para o plano Safra.

- Na Comissão de Viação e Transportes os deputados cobram dos órgãos federais a promessa de redução do preço dos bilhetes depois que as bagagens despachadas passaram a ser cobradas.

- A sessão plenária que homenageou os 131 anos da assinatura da Lei Áurea foi marcada por protestos. O foco foi o papel da Princesa Isabel na abolição da escravatura no Brasil.

Http://www.facebook.com/camaradeputados

Http://www.twitter.com/camaradeputados

Apresentadora - Paula Medeiros