21/05/2019 10h13

Seminário na Câmara discute dificuldades do processo de adoção no Brasil

Ouça a entrevista da deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF) sobre o tema

Há no Brasil, hoje, mais de 9.400 crianças e adolescentes aptos à adoção. Número que cresce ano a ano. O que preocupa é que apenas 7,3% de quem pretende adotar aceitam crianças com mais de 5 anos de idade.

Em busca de melhorar esse cenário, vai ser realizado um debate na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara. Para falar sobre o assunto, o Painel Eletrônico convidou a deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF). A parlamentar faz parte da Subcomissão Especial de Adoção, Pedofilia e Família.

Na entrevista, ela disse que há muitas divergências sobre qual o melhor caminho para facilitar a adoção, principalmente de crianças com mais de cinco anos. De acordo com números do Cadastro Nacional de Adoção, do Conselho Nacional de Justiça, das mais de 9 mil crianças que aguardam por adoção, 7,2 mil têm mais de 5 anos, o que equivale a 76% da lista. Segundo a deputada, os principais entraves para a adoção são a demora do processo, motivada pelo excesso de segurança para as crianças e a demora para estabelecer o fim do vínculo familiar das crianças que sofrem mal tratos dentro de casa.

Apresentação - Edson Junior e Elisabel Ferriche