22/06/2017 20h45

Humanização do parto - parte III: violência obstétrica

O Brasil é campeão desse tipo de violência cometida contra a mulher grávida e sua família em instituições de saúde, no momento do atendimento pré-natal, no parto ou aborto

O nascimento de uma criança é quase sempre um momento emocionante e carregado de expectativas felizes, certo? Mas o Brasil ainda é campeão de violência obstétrica – aquela cometida contra a mulher grávida e sua família em instituições de saúde, no momento do atendimento pré-natal, no parto ou aborto.

O programa Mulheres de Palavra desta semana aborda o assunto e conta o caso de Elaine Reis, vítima de violência obstétrica. Também participam desta edição a pesquisadora da Fiocruz e Mestre em Saúde Coletiva, Kelly Arruda; a deputada Érika Kokay (PT-DF) e o deputado Jean Wyllys (Psol-RJ).

Para participar do programa, envie sua opinião pelo Disque Câmara 0800 619 619, e-mail radio@camara.leg.br ou pelo Facebook da Rádio Câmara.

Apresentação - Cynthia Sims