03/04/2019 - 23h34 Atualizado em 04/04/2019 - 13h23

Comissão externa sobre crise na Venezuela define roteiro de trabalho

Parlamentares visitarão Boa Vista (RR) e Pacaraima (RR) no fim deste mês para verificar impacto do fluxo migratório de venezuelanos nos serviços públicos dos municípios

Vinicius Loures/Câmara dos Deputados
Reunião ordinária. Dep. Nicoletti (PSL - RR)
Nicoletti: a crise migratória tem impactos sociais na educação, na segurança e na saúde da população de Roraima

A comissão externa da Câmara dos Deputados sobre a crise na Venezuela realizou a primeira reunião nesta quarta-feira (3) e definiu o plano de trabalho a ser seguido pelos parlamentares. Entre outros itens, o roteiro prevê visita às cidades de Boa Vista (RR) e Pacaraima (RR) no fim do mês, com o objetivo de verificar o impacto do fluxo migratório de venezuelanos nos serviços públicos oferecidos à população.

O coordenador da comissão, deputado Nicoletti (PSL-RR), falou sobre a importância de acompanhar a crise. "Parlamentares de outros estados poderão ver in loco a realidade do estado de Roraima. A população sofre muito com essa crise migratória, que vem acontecendo desde 2015, e os impactos sociais são muitos. Na educação, na segurança e na saúde", afirmou.

Calamidade na saúde
Em fevereiro deste ano, o governador de Roraima, Antonio Denarium (PSL), decretou estado de calamidade pública na saúde, devido à quantidade de venezuelanos que têm chegado aos hospitais do estado desde que a fronteira foi fechada, principalmente feridos. De acordo com a ONU Brasil, o número total de refugiados e imigrantes da Venezuela já chega a 3,4 milhões, e o Brasil abriga cerca de 96 mil desses venezuelanos.

Nicoletti disse que o próximo passo será contatar órgãos estaduais, municipais e federais presentes em Roraima e coletar dados para “fazer um relatório minucioso do que realmente está afetando a população”. “E, posteriormente, poder deliberar por ações do Parlamento, principalmente na questão de recursos e, junto aos ministérios, buscar soluções para cada área atingida", declarou.

Reportagem – Nicole Mattiello
Edição – Pierre Triboli

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'