14/09/2017 - 16h17

Câmara recebe menção honrosa no Prêmio e-Gov 2017

Divulgação
Tecnologia - informática - Transparência - portal Dados Abertos da Câmara
Portal reúne dados sobre órgãos e assuntos da Casa: dados sobre bancadas; deputados; eventos; legislaturas; partidos; proposições; referências; e cota para o exercício da atividade parlamentar.

O Portal Dados Abertos  da Câmara dos Deputados recebeu menção honrosa no Prêmio Excelência em Governo Eletrônico (e-Gov) na categoria e-Serviços Públicos.

A 16ª edição do prêmio foi realizada nessa quarta-feira (13), durante a abertura do Seminário Nacional de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para a Gestão Pública (Secop 2017), em Pernambuco.

Dados Abertos
Lançado em junho deste ano, o novo portal de Dados Abertos da Câmara disponibiliza informações sobre tramitações, votações de projetos, pareceres, atuação e despesas de parlamentares. Os dados são organizados em 11 coleções e podem ser visualizados utilizando o Excel e programas estatísticos. Além disso, são oferecidos tutoriais que explicam ao usuário como trabalhar com as informações disponibilizadas.

Promovido pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (Abep), o Prêmio Excelência em Governo Eletrônico (e-Gov) é entregue anualmente desde 2002. O objetivo é reconhecer e incentivar o desenvolvimento de projetos e soluções de governo eletrônico que visem modernizar a gestão da administração pública por meio da tecnologia da informação, em benefício da população.

Da Redação - RCA

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

Almir Papalardo | 15/09/2017 - 11h19
Parabéns, um aplicativo elogiável e maior integração com a sociedade. Gostaria de fazer uma pergunta: Por que os Pls. 3299/08, 4434/08 e 01/07 continuam mofando no fundo das gavetas, quando foram aprovados com unanimidade no Senado? Por que descartam os aposentados como se eles não fossem cidadãos como qualquer outro? Para que serve o Estatuto do Idoso, se os poderes públicos são os primeiros a desrespeitarem os idosos? Atenciosamente. Almir Papalardo.