12/07/2016 - 18h56

CCJ rejeita pedido de adiamento e inicia discussão de recurso de Eduardo Cunha

Assista ao vivo

Por 40 votos a 11 e uma abstenção, foi mantida a análise hoje do recurso do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) contra a decisão do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar de encaminhar ao Plenário o processo de cassação do mandato dele. Agora, a CCJ iniciará a discussão do caso.

São 36 deputados inscritos para falar, além de sete votos em separado para serem examinados pela comissão.

O relator do processo no Conselho de Ética, deputado Marcos Rogério (DEM-RO), disse que não está impedido de votar na CCJ, mas que, como isso foi questionado pela defesa de Cunha, vai permitir que seu suplente vote em seu lugar. “Não há qualquer previsão de impedimento, porque o juiz nesse processo é o próprio conselho, e não o relator”, destacou.

A reunião da CCJ prossegue no plenário 1.

Mais informações a seguir

Acompanhe a reunião também pelo canal oficial da Câmara dos Deputados no YouTube.