19/02/2019 - 21h12

Bancada feminina e ONU Mulheres assumem compromisso de lutar pela igualdade de direitos

Organização apresentou às deputadas 17 objetivos de desenvolvimento sustentável a serem atingidos pelos países-membros

A bancada feminina da Câmara dos Deputados recebeu nesta terça-feira (19) a representante do escritório no Brasil da ONU Mulheres, Nadine Gasman, para debater compromissos internacionais assumidos pelo País na defesa dos direitos das mulheres.

Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Encontro “O Trabalho da ONU Mulheres – diálogo e cooperação com parlamentares brasileiras”.
Deputadas e representante da ONU Mulheres se reuniram hoje na Câmara

A organização apresentou às deputadas os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável que precisam ser atingidos pelos países-membros, como o Brasil, até 2030. Entre essas metas está a garantia de plena igualdade de direitos, independentemente de gênero.

“Criar oportunidades iguais para homens e mulheres é fundamental para termos prosperidade, paz e estabilidade”, disse Nadine.

Ela destacou ainda a importância de haver um diálogo entre o Congresso brasileiro e o organismo internacional como forma de atingir a chamada meta 50/50, ou seja, a equidade nas relações e nos direitos. “A gente tem de trabalhar em conjunto. Essa agenda de desenvolvimento sustentável precisa da concorrência de todas as forças da sociedade.”

Parceria
A 1ª secretária da Câmara, deputada Soraya Santos (PR-RJ), também salientou a importância da parceria da ONU com as parlamentares.

Ouça esta reportagem na Rádio Câmara

“São metas de paridade que a gente quer que o Brasil atinja, seja nos cargos de comando nas diferentes áreas, seja no aumento de mulheres na política”, afirmou. “A ONU nos oferece um leque de ações que podem ser levadas para estados e municípios.”

Reportagem – Mônica Thaty
Edição – Marcelo Oliveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'