17/11/2010 - 17h45

Pauta eletrônica da Câmara economizará toneladas de papel

Deputados poderão acessar todas as informações referentes aos projetos em discussão no dia, além de acompanhar as reuniões realizadas simultaneamente em outras comissões e no plenário Ulysses Guimarães.

Brizza Cavalcante
Pauta eletrônica foi lançada hoje na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática.

A Câmara vai economizar quase 3,5 toneladas de papel por mês com projeto de pauta eletrônica nas comissões. O sistema, inaugurado nesta quarta-feira, permitirá que os deputados acessem, por meio de computadores integrados às bancadas, todas as informações referentes aos projetos em discussão no dia.

Com isso, a Casa deixará de gastar, mensalmente, 750 mil folhas de papel para imprimir pautas, atas e outros documentos das comissões. Segundo o presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, deputado Eunício Oliveira (PMDB-CE), o sistema é resultado do trabalho do Departamento de Comissões e do Centro de Informática (Cenin) que, ao longo dos últimos 18 meses, desenvolveram ferramentas inovadoras para oferecer todas as informações de que o deputado precisa

Na avaliação do deputado Julio Semeghini (PSDB-SP), essa será uma grande contribuição da Câmara para a conservação do meio ambiente. Ele ressalta que a Câmara tem discutido tantos projetos de meio ambiente e “usa de forma desnecessária uma quantidade enorme de papel, que tira o trabalho útil de tanta gente, além de ter um desperdício enorme, servindo de mau exemplo”.

Informações disponíveis
Segundo o diretor do Cenin, Fernando Torres, as informações já estavam disponíveis no sistema eletrônico da Casa, mas não podiam ser acessadas durante as reuniões e nem todas eram impressas na pauta do dia.

Ele destaca que a Câmara já tem diversos sistemas que registram toda a tramitação das proposições, desde a apresentação do projeto de lei pelo deputado no gabinete, passando pelas reuniões nas comissões até chegar à votação pelo Plenário.

“Antes, o deputado recebia essas informações em papel e aí não tinha acesso a todas as facilidades dessas informações do processo legislativo”, observa Fernando Torres. “Com o sistema da pauta eletrônica, ele passa a usar todas essas informações no momento em que mais precisa, que é o momento da discussão, da votação das diversas matérias nas comissões."

Acompanhamento simultâneo
Os deputados poderão acompanhar também, inclusive em áudio e vídeo, as reuniões realizadas simultaneamente em outras comissões e no plenário principal (Plenário Ulysses Guimarães).

O sistema entrou em atividade na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática. De acordo com Fernando Torres, ele será avaliado e receberá sugestões dos deputados neste fim de ano legislativo para que, em 2011, seja levado às demais comissões.

Wi-fi
A Câmara lançou também nesta quarta-feira rede de internet sem fio, com cobertura em todos os prédios e andares da Casa. Nos pontos de entrada, todos os visitantes poderão solicitar a senha para acesso.

* Matéria atualizada às 19h02.

Reportagem - Verônica Lima/Rádio Câmara
Edição - Newton Araújo

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

Dgeison | 18/11/2010 - 13h59
como vai funcionar essas pautas? Nós os acessores, como iremos receber essas pautas? via e-mail?