24/07/2019 - 08h42

Projeto proíbe estado em calamidade pública de patrocinar evento festivo

O Projeto de Lei 3022/19 proíbe estados e municípios em situação de calamidade pública de realizarem eventos festivos com recursos públicos. A medida se aplica também ao Distrito Federal.

Pelo texto, o evento só poderá ser realizado se ficar comprovado que ele trará mais benefícios sociais do que prejuízos.

O descumprimento da proibição poderá acarretar multas e sanções cíveis e criminais aos responsáveis.

Vinicius Loures/Câmara dos Deputados
Audiência pública sobre os benefícios das unidades de conservação para a economia e o desenvolvimento nacional. Dep. Célio Studart (PV-CE)
Studart afirma que o projeto vai garantir os princípios da razoabilidade, legalidade e economicidade



O deputado Célio Studart (PV-CE), autor da proposta, afirma que a iniciativa pretende evitar gastos com eventos festivos em momentos críticos como a decretação de calamidade pública.

Studart ressaltou que Pernambuco já adota essa regra por meio de lei estadual.

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Natalia Doederlein

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'