04/04/2007 - 12h11

Projeto aumenta férias de doadores de sangue

O Projeto de Lei 69/07, do deputado Felipe Bornier (PHS-RJ), concede vantagens para quem doar sangue para a rede pública de hemocentros em todo o País. Conforme a proposta, os trabalhadores da iniciativa privada terão mais um dia de férias, após comprovar quatro doações consecutivas de sangue a hemocentros públicos. Além disso, toda pessoa desempregada que doar sangue terá três pontos de bonificação quando prestar qualquer concurso público na esfera federal, após comprovar quatro doações consecutivas.

O projeto estabelece também que todo funcionário público federal que for doador de sangue terá um dia a mais em sua licença-prêmio, após comprovar quatro doações consecutivas de sangue a hemocentros públicos creditados.

O autor afirma que o objetivo da medida é "tentar acabar com a grave e angustiante falta de sangue na área pública, o que pode ocasionar o colapso de vários setores dos hospitais".

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo nas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem - Cristiane Bernardes
Edição - Renata Tôrres


(Reprodução autorizada desde que contenha a assinatura `Agência Câmara`)

Agência Câmara
Tel. (61) 3216.1851/3216.1852
Fax. (61) 3216.1856
E-mail:agencia@camara.gov.br

Íntegra da proposta:


A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'