Comissão de Orçamento fará novo debate sobre pedido do Executivo que envolve R$ 248,9 bilhões

15/05/2019 19h17
Rosângela Barbosa Gomes | 16/05/2019 13h14
Espero que o Parlamento, que diz representar a sociedade brasileira, aprove a emissão suplementar, pois não pode deixar que os segurados do INSS fiquem sem seus vencimentos. O que deveria ter um debate mais profundo são os recursos destinados ao Judiciário que gasta seus recursos com benesses e mordomias a exemplo de buffet de luxo. Prioridade deve haver para o que é realmente prioridade. Aposentados e pensionistas, BPC e Bolsa Família não podem deixar de obter seus recursos e honrar seus pagamentos, garantindo suas sobrevivências e dignidade.
<< < 1 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.