Mudança no quociente eleitoral enfraqueceu puxadores de votos

09/10/2018 14h30
Manuel Justus | 28/05/2019 13h09
O quociente eleitoral = votos validos divididos pela quantidade de candidatos eleitos. A regra nao é ruim pois assume que as pessoas no geral votaram "em conjunto" numa lista de poucos candidatos e que conseguentemente os mais votados vão passar a clausula de barreira, uma melhor opção seria Quociente Eleitoral em uma eleição onde N candidatos são eleitos = Quantidade de votos do N candidato mais votado. A clausula de barreira seria 10% disso. Assim se o voto da população se dividir muito entre varios candidatos presentes na eleição, isso não vai afetar a clausula de barreira.
Jota Jéo | 28/03/2019 02h19
Para esse sistema eleitoral ficar justo na escolha dos candidatos, bastariam duas mudanças simples. Primeira mudança seria o puxador de votos atingindo o quociente eleitoral os votos dele seriam substraidos do total dos votos obitido por todos outos candidatos e a segunda mudança seria acabar com o cálculo da média e serem eleito os mais votados das vagas faltantes.
Jota Jéo | 28/03/2019 02h18
Para esse sistema eleitoral ficar justo na escolha dos candidatos, bastariam duas mudanças simples. Primeira mudança seria o puxador de votos atingindo o quociente eleitoral os votos dele seriam substraidos do total dos votos obitido por todos outos candidatos e a segunda mudança seria acabar com o cálculo da média e serem eleito os mais votados das vagas faltantes.
<< < 1 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.