Reforma da Previdência altera idade mínima e cálculo de benefícios

14/12/2016 10h32
GUTIELIS j. Oliveira | 01/09/2017 19h29
E onde nessa reforma fala da aposentadoria dos parlamentares e outros políticos?
Shirley Tracy Rissler | 03/05/2017 07h20
Então o funcionário público, que paga inss ou iprevi (11%), mesmo depois de aposentado, ainda terá que sofrer numa nova reforma que aumentará seu tempo de serviço, uma vez que o funcionário faz a contribuição previdenciária eternamente?... é está complicado, o melhor vai ser sair do país ou se tornar político...
HILFRAN GUIMARAES NOLETO | 20/04/2017 22h03
Quando se exige apenas 5 anos no cargo em que o trabalhador pretende se aposentar, a quem vai interessar? Acho que aos parlamentares, pois no seu segundo mandato e comprovado o tempo de contribuição vão se aposentar com salário de parlamentar. vamos mudar isso pra um mínimo de 10 anos.
HILFRAN GUIMARAES NOLETO | 20/04/2017 21h48
Seria justo o trabalhador optar em contribuir ou não para a previdência, já que muitos desses trabalhadores não vão conseguir se aposentar, pois 25 anos é muito tempo. Seria mais justo ainda devolver as contribuições de quem já contribuiu e que não conseguirão o benefício.
vanderlei | 20/04/2017 11h06
'Idade mínima será de 65 anos para trabalhadores da iniciativa privada" Isto é imoral...mudam para atender onde á restrições e quanto aos trabalhadores da inciativa privada nada fazem e não vamos aceitar isto novamente...já passamos por isto no governo FHC...
Adriana cardoso | 06/03/2017 15h13
Todos os professores clamam que a nossa aposentadoria seja aos 25 anos de carreira, pois ainda não é trabalho reconhecido e nem mesmo bem pago, torna-se exaustivo com o passar dos anos se primam por qualidade é primordial terminar aos 26 anos de trabalho ofertado
Roberto Benfica Nogueira | 21/02/2017 06h49
Estão dizendo que o aumento do defit da previdencia e por causa da diminuição das contribuições e aumento de aposentados, mas esse não é o caso da segurança publica, que é o contrario estão aumentando sao os contribuintes.
Jose Eduardo | 19/02/2017 22h03
Temos que lutar para que os aposentados não caiam na armadilha do "credito consignado" e do mercado financeiro. Obvio que os aposentados não terão condições de manter o poder aquisitivo.
Josabet Francisca Barros de Araujo | 16/02/2017 13h19
Não tem emprego para todos e ainda estão tirando direitos adquirido dos trabalhadores. Antes de tirar precisa ser analisado melhor condições das mulheres tem a maternidade e jornada dupla de trabalho não pode ter o tempo de aposentadoria igual a dos homens. Uma maneira de melhorar e fiscalizar as empresas e os golpista que sonegam o INSS. O trabalhador não suporta mais tanta exploração do empregador e do governo com impostos, taxas, tributos e outros mais.
Maria Alves de Olveira | 15/02/2017 18h43
É INCONCEBÍVEL QUE OS POLÍTICOS SE APOSENTEM COM APENAS 2 ANOS DE MANDATO , E O TRABALHADOR QUE PRODUZ , 49 ANOS , E VEJAM A DIFERENÇA DE SALÁRIO , E É O TRABALHADOR QUE PRODUZ O CALÇADO ,A ROUPA , A COMIDA , ETC , SEM CONTAR QUE OS POLÍTICOS COM AS BOLSAS PALITO , SAÚDE , AUX. EDUCAÇÃO , AUX. TRANSPORTE GANHAM MAIS DE CEM MIL POR MÊS . ISTO SE CHAMA ESCRAVIDÃO , E PARA MUITOS ATÉ PODE SE DIZER PENA DE MORTE .
<< < 1 2 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.