Sugere que seja facultativo o pagamento da previdência social

Hoje o governo estuda possíveis ajustes relacionados à previdência. Atualmente pago o teto da previdência R$570,88, e sei que se um dia for utilizar desses recursos, será bem próximo ao fim da minha vida, isso não me deixa seguro e tranquilo em relação ao meu futuro.

Se houvesse uma lei que permitisse que a população ou parte dela (faixa específica), pudesse optar por não ter o seguro (INSS), fazendo com que o próprio cidadão, quando por opção própria, fizesse sua gestão de previdência, com certeza poderíamos gerir com qualidade tornando assim, nosso futuro promissor.

A médio e longo prazo, seria bom para o governo que teria uma despesa menor conforme o número de aderentes. Minimizando o impacto da arrecadação, esta, seria uma medida popular, que daria uma injeção de ânimo para parte da população e que também faria uma boa inclusão de recursos no mercado.

 

ADRIANO DOS SANTOS SILVA           SÃO PAULO/SP                      SETEMBRO/2016

 

 

Ações do documento