Presidente Bosco Saraiva

Deputado Bosco Saraiva

Natural de Manaus, o deputado Bosco Saraiva nasceu em uma família modesta do bairro Morro da Liberdade, localizado na zona sul da capital amazonense, iniciou os estudos no grupo escolar Leopoldo Neves. Durante a trajetória estudantil e nas reuniões com os amigos, percebeu que as dificuldades encontradas no cotidiano poderiam ser superadas com uma representação política voltada aos anseios da população, baseada na ética e transparência, e estes elementos norteiam sua trajetória pública. A luta começou quando era trabalhador do Distrito Industrial e tornou-se militante da oposição sindical metalúrgica nos anos 80. 

Nas eleições municipais de 1992 foi eleito pela primeira vez vereador de Manaus, cargo exercido até o ano de 2004, reflexo de três mandatos consecutivos. Neste período esteve na presidência do Poder Legislativo Municipal por duas oportunidades (biênios 1995-1996 e 1997-1998), sendo também vice-prefeito de Manaus durante o biênio 1995-1996. No exercício da função de vereador, foi nomeado presidente de inúmeras Comissões Permanentes da CMM, com destaque para o cargo de Relator do último Plano Diretor da cidade de Manaus, e participação nas de Grilagem de Terras, Cartel de Combustíveis, e a do Ressarcimento. Bosco Saraiva também é o autor da lei da meia-entrada para estudantes em eventos culturais e da lei que instituiu o Imposto Simplificado, conhecido como Simples.

Já nos anos de 1998 e 2002, concorreu ao cargo de deputado federal, sendo que na última candidatura obteve uma votação expressiva de 57.914 votos (7º colocado no pleito), porém não foi eleito devido à legenda. Em 2004, concorreu ao cargo de vice-prefeito na chapa de Amazonino Mendes. No ano de 2006, disputou o cargo de deputado estadual, alcançando a suplência, e em 2009, após a decretação da perda do mandato do deputado estadual Edílson Gurgel (PRTB), assumiu a vaga de parlamentar. Na Assembléia Legislativa do Amazonas, assumiu neste período a presidência da Comissão de Direitos Humanos. No ano de 2012, foi eleito, novamente, vereador da cidade de Manaus, e conduzido pela terceira vez à presidência da Câmara Municipal de Manaus. Em 2014, foi eleito deputado estadual e passou a presidir a Comissão de Cultura.

Desde que ingressou na vida pública, Bosco Saraiva trabalha com o objetivo de beneficiar a parcela da população menos assistida pelo poder público, e isso também esteve presente quando assumiu cargos como de Presidente da Empresa Municipal de Urbanização- Urbam (1994/1995), Secretário de Estado de Infra-Estrutura (2003/2004), e Diretor-Presidente de Planejamento Urbano (2009/2010).

Em 2017, foi eleito vice-governador de seu estado, para um mandato tampão na chapa de Amazonino Mendes, assumindo a Secretaria de Segurança Pública, no período de outubro de 2017 a abril de 2018.

Atualmente, é Deputado Federal pelo partido Solidariedade.

 

 

 

Ações do documento