Em reunião Deliberativa Ordinária, a CCult aprova três proposições

Resumo da Reunião Deliberativa ordinária ocorrida em 28/08/2019.
28/08/2019 18h15

Gustavo Elisson

Em reunião Deliberativa Ordinária, a CCult aprova três proposições

Por Gustavo Elisson

Em Reunião Deliberativa Ordinária realizada na tarde desta quarta-feira, 28/08, foram aprovados dois projetos de lei e um requerimento.

A presidente da Comissão de Cultura, Benedita da Silva (PT/RJ), iniciou a reunião parabenizando a cantora e compositora pernambucana, Lia de Itamaracá, pelo título de doutor honoris causa.  A titulação é dada àqueles que dedicaram sua vida para o desenvolvimento da educação e cultura local. “Lia de Itamaracá faz parte do imaginário pernambucano e nacional, como símbolo vivo da memória da música negra e afetividade da cultura popular”, destacou a presidenta.

Dentre as proposições apreciadas destaca-se o Requerimento nº 63/2019, de autoria da Deputada Luizianne Lins (PT/CE), que aprova “moção de aplausos e reconhecimento” pelos 30 anos, do caderno de cultura Vida&Arte, do jornal O POVO, do Ceará.

Outras duas proposições foram aprovadas na reunião, sendo elas o Projeto Legislativo nº 9.150 de 2017, que dá o nome de “Felisberto Borges da Fonseca” ao Viaduto sobre a BR 116, no município de Mandirituba, Estado do Paraná, e o PL nº 1.818 de 2019, que confere ao Município de Cruz Machado, no Estado do Paraná, o título de Capital Nacional da Erva-Mate Sombreada.

Para conferir todos os detalhes da reunião, como a transmissão em vídeo, acesse o seguinte link < bit.ly/343rw5T >.

Ações do documento