Projetos da Área Temática de Áreas Verdes

O Ecocâmara realiza diversos projetos na área temática das áreas verdes. Confira alguns deles abaixo: 

1. Educação e Segurança no Trabalho

Promove educação profissional continuada para todos que trabalham nas áreas verdes, com foco em educação ambiental, aprimoramento técnico e segurança no trabalho.

As atividades de concentração são realizadas semanalmente / mensalmente, segundo programação estabelecida,  e contam com reforço dos conceitos trabalhados em sala de aula, no cotidiano e de forma sistemática.

2. Reciclagem, minimização de resíduos e reuso

A filosofia dos 3 'R's (Redução, Reutilização e Reciclagem) é adotada nos jardins da Câmara desde 2002 e o escopo de ações ligadas a ela tem sido ampliado a cada dia, já com conquistas e resultados significativos.


Os compromissos são assumidos por toda a equipe e as iniciativas vão desde a escolha de insumos utilizados, mais responsáveis do ponto de vista ambiental, até o reuso ou novo uso para material descartado em vários setores e atividades da Câmara dos Deputados.

Cabe ressaltar, também, as modificações de manejo para a redução de consumo e  de geração de resíduos, princípio não menos importante que os anteriores. Reciclagem

3. SIM - Sistema Integrado de Manejo 

O manejo sustentável de áreas verdes exige cuidados integrados com o objetivo de criar e manter ambientes equilibrados e saudáveis ao longo do tempo.


Fazem parte das iniciativas:
  • Identificação precoce de doenças e pragas, com intervenção imediata
  • Pesquisa e adoção de defensivos alternativos naturais
  • Uso de adubação orgânica e cobertura morta
  • Rotação de plantios
  • Substituição de espécies vegetais inadequadas
  • Incentivo ao uso de espécies vegetais nativas
  • Elaboração de mudas a partir dos próprios indivíduos já existentes, para substituições necessárias ou eventual ampliação de áreas verdes
  • Ampliação das variedades vegetais utilizadas
  • Promoção de habitats para espécies animais  que contribuem para a saúde dos jardins, com os pássaros e  joaninhas
  • Composição com outras áreas verdes, para formação de corredores ecológicos

4. Recursos Naturais - Solo, Água e Energia 

A partir da compreensão de que os recursos naturais são fundamentais, finitos e não renováveis, a equipe do EcoCâmara/Seção de Manutenção de Jardins da Câmara dos Deputados otimiza os recursos consumidos na manutenção das áreas verdes externas e internas de forma criativa e incansável. A busca por eficiência dos recursos se faz notar, por exemplo, na implantação de jardins xerófitos, em novas formas de manejo de solo, na alteração dos horários de irrigação e no uso de cobertura morta, entre outras iniciativas.

5. Plantas no Ambiente de Trabalho

Para a Seção de Manutenção e Jardins/Ecocâmara não basta manter vasos como elementos de decoração – seja nas salas de trabalho, seja em eventos e oficinas. O objetivo é contribuir para a saúde, eficiência e bem estar de todos, sem esquecer do compromisso com o meio ambiente.

Você sabia?
  • 96% das plantas em vaso distribuídos pela Câmara dos Deputados são de espécies capazes de eliminar toxinas.
  • Os vasos obedecem a um rodízio entre ambiente interno e externo para impedir o desenvolvimento de fungos.
  • Nossos colaboradores tem rotinas de vistoria e manejo pré-programadas.
  • A tecnologia de montagem de vasos adotada reduz o consumo de terra, água e adubos, além de facilitar o transporte e o manejo.

6. Projeto Preservando - Biodiversidade Vegetal 

A sustentabilidade do meio ambiente depende da manutenção ou recuperação de sua biodiversidade.

Desta forma, damos preferência para o uso de espécies nativas e buscamos ampliar as variedades de espécies utilizadas em nossas áreas verdes.

Fazem parte deste projeto a produção de mudas em viveiro, intercâmbio de mudas com outras instituições; coleta de sementes para plantio e distribuição, além do replantio e manutenção do Bosque dos Constituintes.

7. Pássaros na Câmara - Biodiversidade Animal 

Coerentes com nosso valor de apoio incondicional ao meio ambiente, adotamos uma série de iniciativas para promover o povoamento de nossas áreas verdes por pássaros. A presença destes, aliás, é um indicador utilizado internacionalmente para medir a qualidade dos ambientes.

Boas práticas:
  • Cuidado no manejo dos jardins
  • Plantio de árvores nativas e frutíferas
  • Redução ou eliminação do uso dos agrotóxicos
  • Disponibilização de água
  • Disponibilização de material para montagem de ninho

- A observação contínua de nossas áreas demonstrou a presença de quase a totalidade de espécies encontradas em Brasília, inclusive com reprodução in situ. 

8. Plantando com Cuidado 

A escolha de espécies vegetais para as áreas verdes sob os cuidados da Câmara dos Deputados, inclusive para o Bosque dos Constituintes e as áreas residenciais, é de fundamental importância para permitir o uso do espaço para contemplação, convivência ou recreação, sempre com segurança e conforto.

Desta forma, não utilizamos espécies venenosas, com espinhos ou excessivamente perfumadas, além de evitar aquelas alergênicas, invasoras ou que atraem animais que ofereçam risco aos usuários.

9. Jardins Educadores

A educação ambiental é de grande importância para a construção de ambientes urbanos saudáveis à medida que seu impacto ultrapassa os limites geográficos da Câmara dos Deputados. O resgate da conexão  entre o cidadão e  a natureza que permeia as cidade é foco em cada uma das atividades já desenvolvidas ou em desenvolvimento, tais como:

  • Exposições em eventos promovidos pela Câmara
  • Oficinas de compostagem, sobre defensivos alternativos, sobre hortas nas varandas
  • Jardim do Plenarinho – jogo de temática ambiental desenvolvido em conjunto com a Secretaria de Comunicação / Plenarinho
  • Concepção de Jardim de Sabores
  • Concepção de Jardim dos Sentidos
  • Atendimento a estudantes

10. Jardim Legal

Todas as iniciativas pautadas pelo EcoCâmara/Seção de Manutenção de Jardins da Câmara dos Deputados respeitam a legislação específica da área e acompanham sua evolução ao longo da história, de forma a cumprir o disposto constitucional de trabalhar em prol de um meio ambiente equilibrado para gerações presentes e futuras.

Ações do documento