Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Portal da Câmara dos Deputados

  • Acessível em Libras
  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto

Navegação Global

Câmara dos Deputados
Você está aqui: Página Inicial > Responsabilidade Social > A prática na Câmara

A Responsabilidade Social no setor público

A Responsabilidade Social tem sido um forte indicador de desempenho e reputação das grandes empresas. Diante do desafio de se manterem lucrativas e, ao mesmo tempo, bem percebidas pela opinião pública, as organizações têm dado preferência a práticas que revelem como a sua atividade produtiva é plenamente compatível com o modelo de desenvolvimento sustentável e a preservação do meio ambiente. Exemplos desta opção passam pela adoção de equipamentos não poluentes, reciclagem de matéria prima, oferta de creches para mães de família, cursos de formação continuada, capacitação para o trabalho e promoção da saúde, entre tantos outros. Todas essas práticas trazem consigo o compromisso de promover a cidadania, reduzir as desigualdades socio-econômicas e manter a oferta de bens e serviços baseada no uso racional de recursos não renováveis ou, ainda, na renovação dos recursos naturais.

Uma instituição com o porte da Câmara dos Deputados, que conta com mais de 15 mil funcionários e colaboradores, recebe mais de dez mil visitantes por mês e movimenta um orçamento anual de R$ 1,6 bilhão, não poderia deixar de incorporar às suas atividades o conceito de Responsabilidade Social. É de fácil percepção que a sua atividade-fim – fazer e aprovar as leis sob a égide e em nome do Estado democrático – já seria demonstração, senão premissa, do seu compromisso com uma prática socialmente responsável. No entanto, a Câmara vai além. Paralelamente à missão constitucional de produzir leis, representar o povo e fiscalizar o Governo, a Câmara dos Deputados preocupa-se em desenvolver programas que estimulem o uso racional dos recursos, a preservação do meio ambiente, a inclusão social, a formação para o trabalho e a educação para a cidadania, esta última especialmente entre crianças e jovens. Igualmente importante tem sido a adoção de ferramentas que garantem a total transparência na administração da Casa, permitindo que o cidadão acompanhe cada gasto ou processo de compra e licitação.

Conheça alguns dos programas:

Informações de Apoio

Mapa do Portal