Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Página Inicial / Deputados / Quem são

Biografia


JÂNIO QUADROS - PTB/PR
Jânio da Silva Quadros
Nascimento: 25/1/1915
Data de falecimento: 16/2/1992
Naturalidade: Campo Grande, MS
Profissões: Advogado, Professor e Artista Plástico
Filiação: Gabriel da Silva Quadros e Leonor da Silva Quadros
Escolaridade: Superior
Mandatos (na Câmara dos Deputados):
Deputado Federal, 1959-1961, PR, PTB. Dt. Posse: 02/02/1959.
Licenças:
Licenciou-se do mandato de Deputado Federal, na Legislatura 1959-1963, para tratar de interesses particulares, por seis meses, de 3 de fevereiro a 2 de agosto de 1959; por 90 dias, em prorrogação, de 3 de agosto a 31 de outubro de 1959; por 45 dias, em prorrogação, de 1º de novembro a 15 de dezembro de 1959; por 90 dias, em prorrogação, de 16 de dezembro de 1959 a 14 de março de 1960, tendo sido prorrogado até 31 de julho de 1960; e por tempo indeterminado a partir de 1º de novembro de 1960.
Renúncias:
Renunciou ao mandato de Deputado Federal, na Legislatura 1959-1963, para assumir a Presidência da República, em 31 de janeiro de 1961.
Filiações Partidárias:
UDN, 1945-; PDC, 1947-; PTB, 1959-; PTN, 1980-; PTB, 1980-; PMDB, 1981-; PTB, 1981-; PSD, 1989-.
Atividades Partidárias:
Líder do PDC, SP.
Mandatos Externos:
Vereador, São Paulo/SP, Partido: PDC, Período: 1948 a Governador, SP, Partido: PDC, Período: 1955 a Prefeito, São Paulo/SP, Partido: PTB, Período: 1986 a Presidente da República, N/D, Partido: PTB, Período: a Deputado Estadual, São Paulo/SP, Partido: PDC, Período: a Prefeito, São Paulo/SP, Partido: PDC, Período: a
Atividades Profissionais e Cargos Públicos:
Professor de Português e Geografia, 1935; consultor de diversas empresas.
Estudos e Cursos Diversos:
Colegial, Ginásio Paranaense, PR; Colégio São Joaquim, Lorena, SP; Colégio Arquidiocesano, SP; Fac. de Direito, Universidade de São Paulo, 1939.
Obras Publicadas:
Curso prático da língua portuguesa e sua literatura, 6 v., 1966; História do povo brasileiro, escrita em parceria com Afonso Arinos de Melo Franco, 1967; Dicionário prático da língua portuguesa, em parceria com Ubiratan Rosa; Os dois mundos das três Américas, 1972; Quinze contos, 1984.