Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

08/02/2018 11h46

Remídio Monai (PR-RR) comenta proposta de fechar fronteira Brasil-Venezuela provisoriamente

Intenso fluxo de venezuelanos que mudaram para Roraima para fugir da crise econômica e política do País preocupa autoridades locais

O deputado Remídio Monai (PR-RR) fala ao Com a Palavra sobre a situação do estado, com a imigração de 40 mil venezuelanos, que fogem da crise econômica e política daquele País.

O intenso fluxo de venezuelanos se mudando para Roraima está preocupando autoridades locais. Os governos de Roraima e a prefeitura de Boa Vista alegam que não tem como arcar com o crescimento desordenado do número de imigrantes e cobram respostas do Governo Federal, que desmarcou uma reunião que teria com a governadora Suely Campos, no Palácio do Governo, nesta quinta-feira.

Segundo o deputado Remídio Monai, a comitiva do Governo Federal, de passagem por Roraima, em missão oficial para o Suriname, transferiu o encontro para a base aérea de Boa Vista, mas a governadora e os deputados da bancada roraimense comunicaram que não participarão do encontro por considerarem um desrespeito à população do estado.

O deputado disse que, entre as propostas que querem apresentar ao governo, estão o fechamento da fronteira Brasil-Venezuela provisoriamente até que se crie um programa de interiorização dos imigrantes para que eles sejam levados a outras partes do País onde existam mais oportunidades de emprego. Antes, porém, a realização de um censo para identificar quem são e quais as qualificações dos imigrantes, e a criação de um abrigo para acomodá-los em Boa Vista.

Apresentação - Edson Júnior e Elisabel Ferriche