Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

06/11/2017 10h57

Campanha Novembro Azul alerta para prevenção do câncer de próstata

No Brasil, a cada 40 minutos uma morte ocorre em decorrência da doença. Segundo o Inca, neste ano, mais de 61 mil novos casos deverão ser registrados. Ouça a entrevista do deputado e médico doutor Jorge Silva (PHS-ES) sobre o tema

O Palácio do Congresso Nacional recebeu iluminação azul, em apoio à campanha mundial de prevenção do câncer de próstata e do cuidado com a saúde do homem.

A campanha Novembro Azul alerta para um dado estarrecedor: no Brasil, a cada 40 minutos uma morte ocorre em decorrência da doença. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), neste ano, mais de 61 mil novos casos deverão ser registrados.

Para falar sobre o Novembro Azul, o Com a Palavra entrevistou o coordenador da Frente Parlamentar de Atenção Integral à Saúde do Homem, deputado e médico, doutor Jorge Silva, do PHS do Espírito Santo.

Apesar dos dados preocupantes, quase metade dos brasileiros nunca foram ao urologista. Segundo o deputado, esse fato se deve em parte ao preconceito masculino em relação ao exame e, também, por que é difícil conseguir realizar o exame na rede pública. Mas Jorge Silva recomenda o exame, porque o diagnóstico precoce e a detecção do câncer de próstata em estágio inicial aumentam a chance de cura.

O deputado Jorge Silva convidou parlamentares e especialistas para participar do 9º Fórum da Saúde do Homem, que será realizado no próximo dia 21 de novembro, às 14 horas, na Câmara dos Deputados.

Apresentação - Edson Junior e Elisabel Ferriche