Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

20/03/2017 11h22

Parlamentares se mobilizam para colocar em votação o fim foro privilegiado

O tema ainda não é consenso: a dúvida é se a medida é avanço ou retrocesso no combate à impunidade. O deputado Efraim Filho (DEM-PB) comenta

Os diversos escândalos de corrupção no Brasil, principalmente os desvendados pela Operação Lava Jato, colocaram em cheque a credibilidade da classe política. Numa tentativa de recuperar a imagem, na última sexta-feira, no Senado, o relator da proposta de emenda à Constituição que acaba com o chamado foro privilegiado para políticos e autoridades em casos de crime comum, como homicídios e corrupção, senador Randolfe Rodrigues, da Rede do Amapá, conseguiu as assinaturas necessárias para que a proposta seja levada a Plenário.

Na Câmara, o debate está ainda mais avançado. A mudança na Constituição para pôr fim à prerrogativa de foro já tem parecer do relator, deputado Efraim Filho, do Democratas da Paraíba, na Comissão de Constituição e Justiça. Mas o fim desse instituto ainda não é consenso entre os parlamentares. A dúvida é se a medida é avanço ou retrocesso no combate à impunidade.

Para discutir o assunto, o deputado Efraim Filho esteve Com a Palavra nesta segunda-feira. Confira a entrevista completa.

Apresentação – Elisabel Ferriche e Marcio Achilles Sardi