Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto

Navegação Global

Você está aqui: Página Inicial > Comunicação > Câmara Notícias > Política > Líder do PSDB critica política de participação social do governo
  • Compartilhar no Google+
28/10/2014 - 21h11

Líder do PSDB critica política de participação social do governo

O líder do PSDB, deputado Antonio Imbassahy (BA), disse há pouco que a Política Nacional de Participação Social, criada pela presidente Dilma Rousseff por meio do Decreto federal 8.243/14, pretende inverter a lógica da democracia representativa.

“Com esse decreto, a presidente Dilma quer que a escolha dos representantes do povo seja feita pelo governo do PT”, disse Imbassahy, que é favorável ao início imediato da votação do Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 1491/14, que pretende anular o decreto presidencial.

Por outro lado, diante da dificuldade de acordo sobre o assunto, lideranças do PT, do Pros e do PCdoB continuam tentando evitar a votação, para manter os efeitos do decreto presidencial.

Favorável à política de participação popular, a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) voltou a dizer que as diferentes instâncias de participação social previstas no decreto da presidente Dilma não afrontam prerrogativas do Congresso.

Para o deputado Sibá Machado (PT-AC), a democracia não é só o exercício do voto. “A população quer participar das decisões dos governos”, disse.

Continue acompanhando a cobertura desta sessão.

Assista ao vivo.

Íntegra da proposta:

Reportagem - Murilo Souza
Edição - Pierre Triboli

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



  • Câmara Notícias
    Expediente
    Disque-Câmara: 0800 619 619

Mapa do Portal