Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

06/07/2018 - 08h12

Nova audiência discute criação da Zona Franca do Vale dos Vinhedos

O autor do projeto estima que a isenção de impostos municipais, estaduais e federais pode implicar na redução de 50% no preço dos vinhos produzidos no Vale dos Vinhedos

Marco Couto/Assembleia Legislativa do RS
Agropecuária -> plantações -> uva, vinho, Vale dos Vinhedos
O Vale dos Vinhedos na Serra Gaúcha, a 130 quilômetros de Porto Alegre

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia da Câmara dos Deputados promove nova audiência pública nesta sexta-feira (6) para discutir o Projeto de Lei 9045/17, que cria a Zona Franca do Vale dos Vinhedos. Desta vez, a discussão será realizada em Bento Gonçalves (RS).

O deputado João Derly (Rede-RS), autor do projeto e do requerimento para realização do encontro, explica que a nova zona franca englobará os municípios gaúchos de Bento Gonçalves, Garibaldi, Monte Belo do Sul e Santa Tereza.

O objetivo é desenvolver a vitivinicultura local e promover o enoturismo na região do Vale dos Vinhedos.

O projeto de lei sugere a criação de uma zona franca semelhante à que existe em Manaus. O regime tributário especial seria restrito às atividades da cadeia vitivinícola do Vale dos Vinhedos.

Diversos prefeitos da região foram convidados para discutir o projeto.

O encontro será realizado a partir das 9 horas, no Hotel e SPA do Vinho, em Bento Gonçalves.

Íntegra da proposta:

Da Redação - ND

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'