Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto

Navegação Global

Você está aqui: Página Inicial > Comunicação > Câmara Notícias > Educação e Cultura > Comissão aprova uso do FGTS para pagar débitos com financiamento do ensino superior
01/02/2016 - 11h58

Comissão aprova uso do FGTS para pagar débitos com financiamento do ensino superior

Luiz Alves/Câmara dos Deputados
Flávia Morais
Flávia Morais lembra que os recursos deverão ser usados para quitação de débitos e não para pagamento de mensalidades

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou, com emenda, proposta que permite ao trabalhador utilizar recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para pagar juros, amortizar ou liquidar contrato de financiamento de curso de ensino superior.

Relatora, a deputada Flávia Morais (PDT-GO) modificou o projeto original (PL 7747/10), do deputado Augusto Carvalho (SD-DF), para permitir o uso de recursos do fundo em qualquer financiamento estudantil de nível superior. O projeto original permitia a utilização do FGTS apenas no âmbito do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).

Morais argumenta que o FGTS vive um momento de equilíbrio econômico-financeiro com mais de R$ 200 bilhões de ativo e R$ 30 bilhões de patrimônio líquido.

“Essa realidade capacita o fundo a permitir que os titulares das contas vinculadas possam usufruir de seus recursos para situações prementes como a amortização de dívidas junto aos programas de financiamento estudantil”, disse Morais.

A relatora destaca ainda que o texto não cria a possibilidade de pagamento de mensalidade escolar, mas apenas autoriza a quitação de débitos residuais.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pelas comissões de Educação; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Mônica Thaty

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

Mauricio | 19/11/2016 - 21h29
Já passou da hora deste projeto ser aprovado. Milhares de pessoas seriam beneficiadas e sua extensão deve atingir cursos de pôs graduação. Milhares de pessoas seriam beneficiadas.
Rosilene | 06/11/2016 - 13h10
Esse projeto está tramitando a anos, hj existe milhares de estudantes que seriam beneficiados, isso deveria ser aprovado com urgência visto o aumento de inadimplência por conta da situação atual do país.
joao Fetnandes | 29/10/2016 - 23h28
O que esta faltando para aprovar em definitivo ?
  • Câmara Notícias
    Expediente
    Disque-Câmara: 0800 619 619

Mapa do Portal