05/08/2015 - 12h11

Câmara aprova dança e teatro como disciplinas obrigatórias da educação básica

Divulgação
Deputado Alessandro Molon (PT-RJ)
Para Alessandro Molon, o ensino dessas disciplinas contribui para o desenvolvimento pessoal do indíviduo e a preservação da cultura nacional

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou, em caráter conclusivo, proposta que estabelece como disciplinas obrigatórias da educação básica as artes visuais, a dança, a música e o teatro. O texto altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – 9.394/96), que atualmente prevê a obrigatoriedade somente do ensino da música entre os conteúdos relacionados à área artística.

O parecer do relator, deputado Alessandro Molon (REDE-RJ), foi favorável ao substitutivo da Comissão de Educação ao Projeto de Lei 7032/10, do Senado. O projeto original determinava a inclusão da música, das artes plásticas e das artes cênicas no currículo das escolas do ensino fundamental.

A redação foi alterada para adequar o projeto às diretrizes da Resolução 7/10 da Câmara de Educação Básica (CEB) do Conselho Nacional de Educação (CNE), que especifica os componentes curriculares de acordo com as áreas de conhecimento.

Como sofreu modificações na Câmara, a proposta volta ao Senado.

“O incentivo ao ensino dessas linguagens artísticas propicia, simultaneamente, o desenvolvimento pessoal do indivíduo e a preservação da cultura nacional”, afirmou Molon.

Íntegra da proposta:

Reportagem – Lara Haje
Edição – Marcos Rossi

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

Gilbert D'Assis | 31/05/2016 - 14h11
Diante de tantas opiniões,sou especializado em dança acadêmica e obtive a duras penas uma formação bem ampla na área.No Brasil a dança engatinha sendo adulta,desnutrida de conplementos e seriedade.Dança na escola,quem me dera no meu tempo.Antes de eu ter noção da importância da educação falar outros idiomas e querer ser alguém.Foi a arte qur me educou não a educação que já era pobre.Depois que virei artista entendi que precisava de mais.Tenho meu projeto para integrar dança na escola e dar o suporte para que professores de ed.física possam aprender de verdade. A disposição gildassis@gmail.com
Jessica | 07/03/2016 - 19h28
Achei ótimo a mudança, porém em relação a dança, a educação física tem sim o direito de ministrar aula, não no formato artístico, pois não é isso que visamos, mas sim como cultura corporal, trabalhando a questão do movimento e manifestação cultural.
Ítalo Rodrigues | 04/12/2015 - 11h51
É preciso sim implantar as 4 áreas na escola, e não somente as artes visuais e a música. Mas é preciso que isso se torne obrigatório, e também que sejam disciplinas tratadas realmente como área de conhecimento e ministradas por profissionais licenciados na área. Nada de prof. de português ensinando Teatro, ou Prof. de Educação Física lecionando Dança. Afinal temos licenciados nessas áreas, além de que Dança é Arte, não é da competência da Ed. Física e área da saúde.