Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto
Você está aqui: Página Inicial > Comunicação > Câmara Notícias > Direitos Humanos > Câmara promove enquete sobre conceito de família
11/02/2014 - 17h10

Câmara promove enquete sobre conceito de família

Texto-base para o Estatuto da Família define entidade familiar como o núcleo formado a partir da união entre homem e mulher.

Saulo Cruz
Anderson Ferreira
Anderson Ferreira quer políticas públicas para valorizar a família.

A polêmica sobre conceito de família é tema da nova enquete do Portal da Câmara, incluída nesta terça-feira (11). O objetivo é avaliar se os cidadãos são favoráveis ou contrários ao conceito incluído no Projeto de Lei 6583/13, do deputado Anderson Ferreira (PR-PE), que cria o Estatuto da Família.

De acordo com o texto, que apresenta diretrizes de políticas públicas voltadas para a entidade familiar e obriga o poder público a garantir as condições mínimas para a “sobrevivência” desse núcleo, família é formada a partir da união entre homem e mulher.

O deputado argumenta que “a família vem sofrendo com as rápidas mudanças ocorridas em sociedade”. E que, apesar de a Constituição prever que o Estado deva proteger esse núcleo, “o fato é que não há políticas públicas efetivas voltadas para a valorização da família e ao enfrentamento de questões complexas no mundo contemporâneo”.

No último dia 5, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, criou uma comissão especial para analisar a proposta. Os líderes partidários deverão indicar os integrantes da comissão, que será formada por 23 deputados titulares.

E você? É a favor ou contra o conceito de família como núcleo formado “a partir da união entre homem e mulher”? Participe da enquete e deixe também o seu comentário abaixo.

Íntegra da proposta:

Da Redação - ND

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



Comentários

HOMOFOBIA É ... | 03/07/2015 - 18h19
Ninguem é homofóbico somente por discordar. Homofóbico é aquele que tem ódio no coração, que espalha a violência e ofende com gritos de raiva e dedo na cara dos irmãos. Eles costumam ficar “nervosas”, gesticulando, gritando e rodopiando de um lado para o outro. Não tem amor pelo próximo!
Romualdo | 03/07/2015 - 17h35
Sou a favor da família homem e mulher e totalmente contra o homossexualismo, serei eu homofóbico? Não estou nem ai, voto sim!
Leandro | 03/07/2015 - 16h58
A pior desgraça do Brasil se chama rede globo de televisão. Só ensina o que não presta,traição, vingança, homossexualismo, etc.
  • Câmara Notícias
    Expediente
    Disque-Câmara: 0800 619 619

Mapa do Portal