Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

20/12/2017 - 17h30 Atualizado em 21/12/2017 - 16h34

Presidente da Câmara diz que análise sobre mandato de Maluf só será feita após notificação da Justiça

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que qualquer decisão sobre o mandato do deputado Paulo Maluf (PP-SP) só será tomada após a notificação da Justiça. Segundo ele, entendimento anterior do Supremo Tribunal Federal (STF) indicaria que cabe apenas ao Plenário da Câmara a decisão sobre eventual cassação do mandato de um deputado.

Na terça-feira (19), o ministro Edson Fachin, do STF, negou recursos da defesa e determinou o imediato cumprimento da pena de prisão imposta a Maluf em maio último, pelo crime de lavagem de dinheiro. Na ocasião, foi determinada ainda a perda do mandato do deputado, “a ser declarada pela Mesa Diretora da Câmara”.

A defesa de Maluf já recorreu à Justiça. O deputado, que nega as acusações, compareceu nesta manhã à sede da Polícia Federal em São Paulo, onde foi preso. Deve ser transferido para presídio em Brasília.

Da Redação – RM
Com informações do Supremo Tribunal Federal

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'