Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

05/10/2015 - 19h03

Comissão vai discutir 8º Fórum Mundial da Água que Brasil vai sediar

A Comissão de Desenvolvimento Urbano promove audiência pública, nesta quinta-feira (8), para discutir a participação do Brasil no 8º Fórum Mundial da Água e o Projeto Rumo a Brasília 2018. O fórum é um evento internacional de promoção e discussão global sobre os recursos hídricos, organizado desde 1997 pelo Conselho Mundial da Água. Realizado a cada três anos, o fórum chega a sua 8ª edição e será sediado pelo Brasil entre os dias 18 e 23 de março de 2018.

O João Paulo Papa (PSDB-SP), que pediu a realização do evento, assinalou que o 8º Fórum Mundial da Água será realizado em Brasília, e será conduzido pelo tema “Compartilhando Água”.

A estratégia que orienta a organização do Fórum abrange os seguintes pontos:
a) o aprofundamento nas relações com o Conselho Mundial de Energia e com a Organização Mundial do Comércio (OMC);
b) a ampliação dos debates a partir das conclusões da Conferência do Clima 2015 (COP 21);
c) as implicações das mudanças climáticas no armazenamento da água;
d) as soluções tecnológicas para o enfrentamento da escassez hídrica; e
e) a continuidade das discussões da interdependência água, energia e alimento.

Convidados
Foram convidados para o debate:

  • o governador da seção Brasil do Conselho Mundial da Água e Membro do Conselho Consultivo da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (ABDIB), Newton de Lima Azevedo Júnior;
  • o governador da Seção Brasil do Conselho Mundial da Água, representando a Agência Nacional de Águas (ANA), Ricardo Andrade;
  • o governador da Seção Brasil do Conselho Mundial da Água, representando a Rede Brasil de Organismos de Bacias Hidrográficas (Rebob), Lupércio Ziroldo Antônio; e
  • o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Distrito Federal, Paulo Sérgio Brêtas de Almeida Salles.

A reunião será realizada às 10 horas, no plenário 16.

Da Redação - RCA

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'