Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

06/07/2005 - 11h17

Esclerose múltipla

Doença crônica, auto-imune, grave, que degenera a bainha de mielina que reveste o axônio dos neurônios. O progresso, a gravidade e os sintomas não podem ser previstos e variam de acordo com cada paciente.
A doença constitui um distúrbio sério que precisa ser tratado adequadamente o mais rapidamente possível, tão logo seja diagnosticada, retardando, assim, suas complicações que afetam o sistema físico e emocional de seu portador.
De causa ainda desconhecida, a esclerose múltipla tem envolvimento com o sistema imunológico, que defende o organismo contra ataques de vírus e bactérias. O ataque resulta, na verdade, em um processo inflamatório que em alguns momentos torna-se muito forte, causando buracos na mielina (esclerose), podendo ocorrer em vários locais, sendo, por isso, chamada de múltipla.

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'