Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

20/06/2002 - 12h04

Convidado reconhece problemas na ANTT

Continuam na Comissão de Defesa do Consumidor, Meio Ambiente e Minorias os debates a respeito do transporte rodoviário coletivo interestadual e internacional.
"A questão do setor de transporte de passageiros deve ser discutida com muita calma", declarou há pouco o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), José Alexandre Nogueira Resende. “É necessário assegurar a justa remuneração aos transportadores e, ao mesmo tempo, exigir bons serviços”.

PROBLEMAS NA AGÊNCIA
José Alexandre Resende explicou que o trabalho da Agência é harmonizar o trabalho dos três segmentos envolvidos: usuários, operadores e Governo.
Ele queixou-se de uma série de problemas operacionais da Agência. O diretor relata que a ANTT foi instalada há apenas quatro meses, só tem 150 funcionários, quando o previsto eram 1700 funcionários. Segundo ele, a Agência é a maior de todas as de regulamentação, porque lida com cinco mil contratos.
Resende admitiu, ainda, que é possível fazer uma revisão das planilhas de custos das empresas hoje.

O SETOR
No setor de transporte coletivo existem 240 empresas, 2040 linhas interestaduais e 132 milhões de passageiros por ano em viagens interestaduais e internacionais.
Quanto às queixas dos usuários, José Alexandre afirmou que a ANTT tem um contrato com o Banco Mundial para fazer um mapeamento da situação do transporte interestadual, que servirá de base para a elaboração de uma alternativa ao modelo atual.
Em relação à fiscalização, ele afirmou que a Agência não teve a autoridade merecida. O diretor da ANTT relatou ainda que várias empresas estão operando em linhas interestaduais sob liminar e que as licitações dessas linhas deverão ser feitas no próximo ano.

Neste momento, os deputados estão ouvindo o presidente da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Rodoviário Intermunicipal, Interestadual e Internacional de Passageiros (Abrati), Oscar Conte.

Por Christian Morais/ DA

(Reprodução autorizada mediante citação da Agência)

Agência Câmara
Tel. (61) 318.7423
Fax. (61) 318.2390
e-mail: agencia@camara.gov.br

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'