Você está aqui: Página Inicial > Comunicação > Câmara Notícias > Não informado > Empresários criticam proposta de redução da jornada de trabalho
26/05/2009 - 21h05

Empresários criticam proposta de redução da jornada de trabalho

Representantes das confederações nacionais da Indústria (CNI) e do Comércio (CNC) criticaram nesta terça-feira, em audiência pública na Câmara, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 231/95, que reduz a carga de trabalho de 44 para 40 horas semanais e aumenta o valor da hora extra de 50% do valor normal para 75%.

O representante da CNC, Alaim Macgregor, afirmou que a PEC não contribuirá para diminuir a taxa de desemprego no País. Segundo ele, se a redução da jornada for aprovada será necessário reestruturar os negócios, o que provocará queda no número de postos de trabalho.

Macgregor defendeu a desoneração das folhas de pagamentos como forma de criação de empregos. Ele disse ainda que não se combate o desemprego com "utopias" e advertiu que os aumentos de preços provocados pela diminuição da jornada serão repassados aos consumidores. Dagoberto Godoy, representante da CNI, acrescentou que a medida vai elevar o custos de produção para atender à demanda.

Godoy lembrou que o mercado mundial é competitivo; de acordo com ele, países como China e Índia oneram menos as empresas e têm maior jornada de trabalho que o Brasil.

Patrões
O relator da matéria, deputado Vicentinho (PT-SP), criticou o ponto de vista dos empresários: "Eles são patrões e nunca vão concordar com nada. Se não existissem as lutas dos sindicatos para melhorar as condições de vida, ainda haveria o trabalho análogo ao escravo. Então, nada mais normal do que o posicionamento deles; como relator eu precisava ouvi-los, com paciência, para depois apresentar meu parecer."

De acordo com Vicentinho, a redução da jornada vai gerar empregos e, com isso, fortalecer o mercado interno.

Notícias relacionadas:
Ipea e Dieese defendem redução da jornada para 40 horas
Redução da jornada tem 1,5 milhão de assinaturas
Patrões e empregados divergem sobre redução de jornada

Reportagem - Paulo Roberto Miranda/Rádio Câmara
Edição – João Pitella Junior


(Reprodução autorizada desde que contenha a assinatura `Agência Câmara`)

Agência Câmara
Tel. (61) 3216.1851/3216.1852
Fax. (61) 3216.1856
E-mail:agencia@camara.gov.br






A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'



  • Câmara Notícias
    Expediente
    Disque-Câmara: 0800 619 619

Mapa do Portal