Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

14/09/2018 10h39

Propostas questionam segurança da urna eletrônica; TSE garante que o equipamento é seguro

Dúvidas I | 21/09/2018 08h26
Durante evento de cibersegurança em São Paulo na última quarta-feira (19), Rodrigo Coimbra, chefe da seção de voto informatizado deixou algumas questões: 1) O TSE vai disponibilizar o código-fonte das urnas eletrônicas na INTERNET? 2) Houveram auditorias INDEPENDENTES tanto no software quanto no hardware que será usado nas votações? 3) Os mecanismos de SEGURANÇA das urnas estão FUNCIONANDO corretamente? Pois os experimentos realizados nos testes públicos da urna em 2017, mostraram que não.
Dúvidas II | 21/09/2018 08h24
4) Qual o grau de CONFIANÇA que vocês têm em relação à equipe interna que desenvolve o software? 5) Os técnicos da Justiça Eleitoral continuam tendo acesso FACILITADO à chave criptográfica? 6) Sem a impressão do voto como podemos AUDITAR a eleição? 7) E caso não, como resolver COMPLETAMENTE a questão?
SONIA GUIACHETTO | 20/09/2018 13h15
O PROCESSO TODO É REALIZADO ATRAVÉS DO SISTEMA BANCÁRIO NÃO VIOLÁVEL! EU TRABALHO EM UMA SEÇÃO DE VOTAÇÃO E FAZENDO TODO OS PROCEDIMENTOS NECESSÁRIO PERCEBO QUE O PROCESSO É BEM PENSADO. ANTES DO INICIO DA VOTAÇÃO É NECESSÁRIO IMPRIMIR AS ZERÉSIMAS,APÓS É DIGITADO OS TÍTULOS DE CADA MESÁRIO DA SEÇÃO,INICIA-SE A VOTAÇÃO. NO TERMINO DO PERÍODO É NECESSÁRIO IMPRIMIR TODO O TRABALHO REALIZADO A IMPRESSÃO DE (09) CÓPIAS DO RELATÓRIO COMPLETO DE TODOS OS VOTOS REALIZADOS NAQUELA URNA. ESSAS CÓPIAS SÃO DISTRIBUÍDAS:TRE,FISCAIS DE PARTIDOS!ESSE RELATÓRIO PODE SER CONFRONTADO NO SITE DO TRE.
Quem Fiscaliza | 17/09/2018 13h33
Urnas eletrônicas devem ser auditadas por profissionais da área como o professor da Unicamp Diego de Freitas Aranha e não apenas por órgãos administrativos de um conselho ou ministérios do direito. Lembro que o corregedor do TSE não pode ser impedido de acompanhar, vide 2014.
Evanir Santos | 15/09/2018 14h53
Mentiras deslavadas. Qualquer um com um nível, no mínimo, mediano de informação sabe que as urnas são fraudáveis com relativa facilidade. Os casos de fraudes relatadas na última eleição, em que Dilma se "elegeu" são centenas. O Judiciário envergonha todo brasileiro honesto e trabalhador, havendo poucas e raras exceções. estão preparando a próxima fraude.
Muito Seguras | 14/09/2018 11h10
Veja no Google: " proibiu que os ministros acompanhassem a apuração… "
Veja no Google | 14/09/2018 11h03
DISCURSO DEVASTADOR, MENTIRAS SOBRE AS URNAS ELETRONICAS
TSE por favor responda | 14/09/2018 11h02
Cadê o Escrutínio votos?
<< < 1 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.