Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

11/07/2018 21h02

Divergências impedem votação do parecer sobre a “Escola Sem Partido”

ANTONIO CARLOS ALVES DE CARVALHO | 13/10/2018 12h17
Já passou da hora de votar este projeto, vi um dos contrários citar a nossa Constituição, porém, a usam para doutrinar nossas crianças a tomar partido, e não é isso que a Constituição ensina, mas que todos somos iguais, então, não tem direita e nem esquerda. Ensinamento tem de pragmático.
Marco Lima | 14/07/2018 04h37
Quem não deve, não teme. O projeto é justo e não tende a favorecer nem Esquerda nem Direita. Se são contra é porque temem cair a manipulação de Esquerda que domina o cenário estudantil há 40 anos se incomodaria e que é clarividente seja desde protestos na USP como na escola pública onde claramente professores Esquerdistas usaram escolas como comitê de partidos comunistas. Marx lá é respeitado, mas pergunta se eles conhecem teóricos do outro lado?
Francisco P. Greter | 12/07/2018 14h48
Já temos a Constituição Federal e nossos Estatutos do magistério para orientar os professores. Não precisamos de recadinhos fixados nas paredes das salas de aulas, mas de respeito e valori8 de nossa profiss8! Muitos deputados é que deveriam tomar vergonha na cara e votar leis mais importantes e necessárias para melhorar a educação no Brasil!
MARCIO ANTONIO DONANZAM | 12/07/2018 13h56
Ta na hora de votar logo esse projeto. Chega de nossos filhos serem doutrinados nas escolas. Ficam só enrolando e não votam . Criem vergonha na cara e ponham esses que tumultuam as discussões em seus devidos lugares. Escola sem partido já!!!!
<< < 1 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.