Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

13/04/2018 18h35

Plenário pode votar projeto que regulamenta o lobby

Erasmo Neto | 17/04/2018 10h48
Salvo engano é de Paulo de Tarso:Nem tudo que é legal é honesto.Talvez seja esta angustia de Ruy Barbosa,quando cunhou a palavra Politiqueiros.A igreja católica romana quando proíbe, a usura,surge os reformistas protestantes que;hoje estão bebendo do próprio veneno?Contra a legalização do lobby e do cadastro positivo.Ser honesto é obrigação,não é condição legal para oprimir muitos e beneficiar poucos.No regime atual podemos trocar os eleitos;legalizando criamos uma casta sem condições de interferir através do sagrado direito de votar?A malandragem faz metamorfose que nós demoramos perceber?
Mutatis Mutantis | 17/04/2018 10h32
O que vejo são algumas pessoas contra ao cadastro positivo. Esse mesmo cadastro irá beneficiar quem paga em dia e assim - como já foi dito nos comentários abaixo -, iria separar daqueles que não são bons pagadores por décadas e que relutam para não haver a aprovação, pois eu não seria mais penalizado por eles. Basta de pagar uma taxa de encargos onde a desculpa dos bancos é que o alto índice de inadimplência.
Marco | 16/04/2018 21h47
Querem ver bancos abaixarem os juros e só o povo sacar todo o dinheiro depositado Nao ao cadastro positivo.
Consumidor revoltado | 16/04/2018 21h30
Cadastro positivo para diminuicao de juros eh mais um engodo de Henrique Meirelles, Affif e outros. Fizeram o mesmo com as Cias aereas: Primeiro cortaram o lanche( com a desculpa pelo alto preco das passagens); depois diminuiram o espaco entre os bancos e por ultimo, criaram uma taxa sobre bagagem Pergunto: alguem viu alguma diferenca nas passagens?? Isso ai eh conversa mole para biros de credito e banco faturarem mais e mais!! em tempo de investigacao do facebook por vazamento de dados isso nem deveria ser paula legislativa. Esse 'e o Brasellllllllll
MARCO ANTONIO | 16/04/2018 10h38
não a este cadastro positivo.
Cadastro positivo ajuda 4 em 10 devedores | 14/04/2018 20h43
Os dados mostram que após a inclusão, de posse de dados adicionais do consumidor, foi possível melhorar a pontuação de 40% dos analisados. Meirelles acredita que, empresas e bancos vão conhecer melhor os clientes, e diminuir taxas de juros. É uma ação que impacta o PIB e pode contribuir para o crescimento do país. O tema também está na agenda do Banco Central como mecanismo para reduzir os spreads bancários e empréstimos. [EU] torço, mas, fiz a adesão pessoalmente e nunca tive a redução dos juros. Será q vamos precisar criar a Lei de Reinvestimento Comunitário dos EUA aqui?
Beneficiados | 14/04/2018 20h30
A melhora foi possível porque a base de dados é mais ampla no cadastro. Exemplo: uma pessoa pode aparecer na lista de devedores de uma loja por atraso no pagamento de uma máquina de lavar roupa, mas no cadastro é possível ver que ela pagou em dia celular e conta de luz --o que melhora a sua nota. os consumidores da região Norte seriam os mais beneficiados pelo banco de dados: 86,4% melhorariam ou manteriam a pontuação nos próximos 12 meses.
<< < 1 > >>

Comentar

Ainda restam caracteres.

Declaro que estou ciente e aceito integralmente o termo de uso.

Para solicitações – correção, pedido de material ou esclarecimento de dúvidas – entre em contato pelo Fale Conosco.