Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Portal da Câmara dos Deputados

  • Retorne o texto ao tamanho normal
  • Aumente o tamanho do texto

Navegação Global

Câmara dos Deputados
Você está aqui: Página Inicial > Atividade Legislativa > Comissões > Comissões Permanentes > Comissão de Educação - CE > Notícias > Inscrições abertas para o Parlamento Jovem 2010

Inscrições abertas para o Parlamento Jovem 2010

Vivenciar a expêriencia de um parlamentar debatendo ementas e projetos. Essa é a proposta do projeto que anualmente seleciona estudantes do ensino médio para vir à Câmara dos Deputados.

Estão abertas as inscrições para o 7º Parlamento Jovem Brasileiro, que acontecerá entre 8 e 12 de novembro na Câmara dos Deputados. O programa seleciona 78 estudantes para vir à Brasília e participar da simulação de uma jornada parlamentar que inclui debates e votações nas comissões e no plenário, além de apresentações de projetos e emendas.

 

Os inscritos precisam frequentar regularmente o 3° ano do ensino médio em escolas públicas ou particulares e ter entre 16 e 22 anos. O aluno deve preencher a ficha de inscrição, criar um projeto de lei e entregá-los na escola onde estuda. As escolas tem até 20 de agosto para encaminhar as fichas de inscrições e os projetos até as secretárias estaduais de educação.

 

Em 2010, o tema escolhido para que os alunos elaborem o projeto de lei é “O Jovem e o Mercado de Trabalho”. Contudo, os projetos de lei poderão tratar dos seguintes temas: agricultura e meio ambiente; saúde e segurança pública; economia, emprego e defesa do consumidor; educação, cultura, esporte e turismo. Os jovens podem aprender a elaborar o projeto de Lei no curso à distãncia oferecido pela Câmara.

 

Os gastos com hospedagem, alimentação e transporte serão pagos pela Câmara. A lista com os selecionados será divulgada dia 4 de outubro. O Parlamento Jovem foi criado em 2004 por iniciativa do deputado Lobbe Neto (PSDB/SP). Apesar de os projetos elaborados pelos estudantes serem uma simulação, alguns deles devido à sua relevãncia passam a tramitar na Câmara.

 

Saiba mais sobre o projeto.

 

por Vanessa Vieira.

atualizada em 01/07/10

Informações de Apoio

Mapa do Portal